top of page

CISM E PNCM PREPARAM CONFERÊNCIA E FEIRA DA MALÁRIA NA E.S.JOSINA MACHEL


Celebra-se anualmente a 25 de Abril, o Dia Mundial de Luta Contra a Malária. A data visa chamar a atenção para o impacto devastador que esta doença tem nas famílias, nas comunidades e na sociedade em geral. A mesma, foi estabelecida em 2007 pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Este ano, o evento é celebrado sobre o lemaZero malária-tempo de investir, inovar e implementar”.


Para o efeito, o CISM em coordenação com o Programa Nacional de Controlo da Malária (PCNM), e parceiros prevê realizar no dia 28 de Abril do corrente ano, uma Conferência e Feira da Malária, que terá lugar na Escola Secundária Josina Machel, na cidade de Maputo. O evento alusivo ao Dia Mundial de Luta contra a Malária, promoverá uma reflexão com alunos do ensino secundário geral de diferentes escolas da cidade de Maputo, sobre os desafios da luta contra malária, com o enfoque no papel dos alunos e jovens no geral na prevenção, controlo e erradicação da malária. A reflexão, visa igualmente destacar o papel da pesquisa na luta contra esta doença e estimular o interesse dos alunos e jovens pela pesquisa biomédica.


“Na conferência, esperamos contar com a participação de cerca de 300 alunos da escola, e com oradores dos Ministérios de Saúde, e da Educação e Desenvolvimento Humano, do Conselho Municipal da Cidade de Maputo, de parceiros do PNCM como a Fundação Manhiça, entidade gestora do CISM, a Fundação para o Desenvolvimento da Comunidade (FDC) e a Tchau, Tchau Malária, com o destaque para o representante da Ministra da Educação e Desenvolvimento Humano e o Presidente da Fundação Manhiça, Leonardo Simão. Por outro lado, esperamos contar com uma Feira e uma exposição de posters que contará com a participação dos diversos parceiros do PNCM,” comenta Sónia Mocumbi, coordenadora do Evento.


A conferência, será composta por duas sessões. A primeira estará subordinada ao tema, Malária e o controlo vectorial em Moçambique, contará com a moderação da Dra. Ana Paula Abilio, do Instituto Nacional de Saúde, na qual, Mara Máquina, investigadora do CISM, Inés António Técnica do PNCM e Luís Fortunato, representante da Txau-Txau Malária em Moçambique, irão abordar sobre (1) os mosquitos: suas características e sua relação com a malária, (2) estratégias de Controlo de Vectores em Moçambique e sobre os Desafios e Benefícios da Pulverização Intra Domiciliária em Moçambique, respectivamente.


Na segunda Sessão, subordinada ao tema, juntos na luta contra a malária, o Director da Escola, irá moderar uma discussão que contará com o Presidente da Fundação Manhiça, Leonardo Simão e do representante da FDC, Adelino Xerinda, que irão falar respectivamente sobre o papel da escola na batalha contra a malária e combater a malária, uma batalha de todos.


Esta iniciativa insere-se nas actividades de celebração do dia Mundial de Luta contra a Malária, mas surge da vontade de desmistificar a ciência e de incentivar aos jovens a descobrir a pesquisa, sua importância e seu impacto. Esperamos que com eventos desta natureza, organizados nas e para as escolas, cada vez mais jovens não só sonhem em fazer ciência, mas o façam, contribuindo assim para o desenvolvimento do nosso país.

149 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page